loading…

FOCUSSOCIAL

”Encontro de Mulheres 2018 - Todas as vozes contam”

Programa é apresentado hoje, no Porto

Hoje, às 18.30 horas é apresentado no Mira Artes Performativas, no Porto, o ”Encontro de Mulheres 2018 - Todas as vozes contam”. De acordo com a organização, “o objetivo central é a promoção da participação política e social das mulheres através da dinamização de um conjunto de mesas-redondas que versam três áreas fundamentais: mulheres e precariedade; mulheres e violências; mulheres invisibilizadas”. A participação na iniciativa é gratuita “sendo a maioria dos debates destinados exclusivamente à participação de pessoas que se identificam como mulheres”. Durante o Encontro decorre, ainda, uma Feira Feminista para  as associações, coletivos, mulheres produtoras locais, artistas e artesãs apresentarem o seu trabalho. 

Este encontro conta com o apoio de Regina Guimarães, Manuela Matos Monteiro, Esmeralda Mateus, Alexandra Oliveira e Ana Fernandes (Capicua),  “Madrinhas (Guerreiras)” do evento e mulheres ligadas ao distrito do Porto, com percursos de vida associados à participação política, artística e social no âmbito da emancipação das mulheres”, explica a organização em comunicado enviado para a nossa revista.

O Encontro de Mulheres convoca ainda a Marcha do 8 Março- Todas as vozes contam e a Greve das Mulheres ao trabalho doméstico e dos cuidados, integrada na iniciativa internacional subscrita por mais de 20 países, "Women Strike".  Esta iniciativa está a ser organizada e dinamizada por voluntárias, voluntários e ativistas, e não depende de qualquer financiamento público e privado. Desse modo, a organização ativou uma  campanha de angariação de fundos online que pode conhecer aqui: https://ppl.com.pt/causas/encontro-mulheres-2018.

“Com esta apresentação pública, pretendemos divulgar o Manifesto, o Programa do Encontro de Mulheres 2018 e, ainda, o programa de atividades do espaço de apoio à infância, conversarmos sobre a Marcha e Greve do Dia internacional das mulheres com o objetivo de somarmos vozes e subscritoras/es a estas iniciativas que pretendem ser de todas, para todas e todos. É muito importante a presença de todas e de todos, nomeadamente das/os representantes das associações e coletivos que desenvolvem o seu trabalho nas áreas da promoção dos direitos humanos e dos direitos das mulheres”, esclarece a organização que acautelou uma tradução/interpretação da iniciativa, em língua gestual portuguesa. 

As mulheres são mais de metade da humanidade. Em Portugal, representam cerca de 52.6% da população residente. “Percebemos que a democracia tem transformado o país e os modos de nele se ser mulher, mas concluímos também que a velocidade da mudança é demasiado lenta, quando pensamos que é das nossas vidas que se trata. Deste retrato do país emerge a urgência da transformação dos quotidianos. Com a organização do Encontro de Mulheres “Todas as Vozes Contam” pretendemos dar voz e ser voz dessa urgência impaciente, dessa vontade de acelerar o curso da história, dessa coragem de exigir o futuro agora”, lê-se no comunicado. 

O objetivo do ”Encontro de Mulheres 2018 - Todas as vozes contam” é “juntar pessoas que se identificam como mulheres, feministas ou não, ativistas ou não, coletivos, associações para participarem na criação de uma agenda transversal à diversidade das experiências de opressão que as mulheres vivenciam no seu quotidiano. Sabemos que as condições de sub-representação agravam-se quando as mulheres experienciam outras formas de opressão como a cor de pele, estatuto social e económico, identidade de género e orientação sexual não normativa, religião, entre outras. Atendendo ao facto das mulheres ocuparem espaços de sub-representação em várias áreas da sociedade, desde a participação política, à esfera familiar, às decisões sobre os seus corpos e sexualidade, no direito ao espaço público, entre outras, queremos proporcionar espaços de participação e de reflexão coletiva”, explica a organização do Encontro.

Encontro de Mulheres 2018

|Calendário de atividades pré Encontro|

 

27-02/ 18h30| Apresentação Pública do Encontro das Mulheres 2018| Todas as vozes contam. local: Mira artes performativas. Rua Padre António Vieira nº68

02-03/ 21h30|  Jantar angariação fundos "Nós construímos este Encontro". Local: Mira Forum. Rua de Miraflor 155. 

08-03/ 19h| Marcha todas as vozes contam. Dia Internacional das Mulheres. Iniciativa internacional: Greve de Mulheres 2018. Local: Praça dos Poveiros, Porto.

Enviar por email